CARPA bureau de plotagens

o que

negócio próprio que fundei e cuidei da gestão comercial por cinco anos, em Fortaleza-CE. além disso, concebi a identidade visual da empresa; o elaborado da intervenção adaptação do antigo quarto; seus produtos; e as experiências dos serviços prestados com excelência!

acredito que essa tenha sido uma das experiências mais enriquecedoras e profundas da minha vida - pelo nível de conhecimento e desenvolvimento pessoal exigido e, principalmente, pela quantidade de conhecimento que precisei desenvolver.

por que

na transição entre os cursos de Design Gráfico e Arquitetura, após concluir o estágio numa gráfica rápida, precisei trabalhar de casa para dar conta da rotina densa, decidi empreender e uni forças com meu grande amigo, que administrou muito bem a empresa enquanto eu focava no atendimento aos clientes e prestação dos serviços.

uma carpa faz duas grandes jornadas em sua vida: a primeira quando sobe o rio até a nascente, enfrentando todo tipo de adversidade para, enfim, desovar e transmutar-se em dragão; e a segunda, quando desce a montanha, ainda em transformação, para compatilhar sua experiência com o cardume que luta para subir ao topo e, enfim, atingir sua manifestação final de dragão e alcançar a iluminação.

como

a jornada da subida de uma carpa foi o conceito norteador para o naming e branding da empresa, que se posicionou e consolidou no mercado de serviços gráficos como o mais original e eficaz prestador durante sua operação.

carpa foi o nome escolhido por sintetizar todos os desafios que estávamos prestes a enfrentar diante da decisão que é empreender e viver do seu próprio negócio.

sua logo era puramente tipográfica, mas em composições gráficas sempre aparecia alinhada na base da tela/página. assim como nas ilustrações e tatuagens japonesa, representando o início da jornada.

o vermelho invoca a energia do trabalho e, contraposto à vastidão branca, nos remete ao Japão e toda sua história e potência inspiradoras.


data do projeto: 2012autoria: João Vidalimagens: João Vidal
agradecimentos:Raphael Medeiros